PERNIL RECHEADO COZIDO DA BANHA - COMIDA MINEIRA

Desde que a Juliana Carvalho me contou no post da carne de lata que sua mãe e sua avó fazem pernil recheado na banha eu fiquei salivando!
No sábado eu estava muito corrida e resolvi ir até o açougue para ver se conseguia comprar o pernil já recheado para ganhar tempo na cozinha.
O Carlos, do Vita Carnes, fez o serviço todo; ele não só recheou, como temperou e me entregou prontinho para ir pra panela. Eu só acrescentei vinho e azeite à marinada.
O resultado foi maravilhoso.
E minha casa ficou cheirando à comida de vó o dia todo!
Nos fartamos no almoço e ainda sobrou uma bela porção, que foi guardada na própria banha, para ser devorada nos próximos dias!
São Protetor no Colesterol que me ajude porque sou apaixonada por essas comidas gordurosas!

PARA O PERNIL:

1 peça de pernil sem osso (a minha pesava 3.5k)
800 g de carne de pernil
150 g de bacon em pedaços
alho, tempero completo e pimenta a gosto
linha e barbante para costurar
500 ml de água filtrada
3 colheres, das de sobremesa de tempero completo

Chegando em casa eu acrescentei:

200 ml de vinho tinto seco
50 ml de azeite Hojiblanca da Borges

PARA COZINHAR:

3 tabletes de banha da Sadia

MODO DE PREPARO
Como eu já falei, no próprio açougue o Carlos moeu a carne junto com o bacon, o alho e as pimentas e temperou com tempero caseiro. Depois ele recheou o pernil e costurou com barbante e colocou dentro de um saco plástico bem grosso junto com a água e mais tempero.
Chegando em casa eu acrescentei o vinho e o azeite ao tempero do pernil, fechei bem o saco plástico e deixei na geladeira por uma noite.
As 9 da manhã eu retirei o pernil da geladeira e drenei os líquidos.
Deixei o pernil fora da geladeira por 1 hora antes de levar ao fogo. A carne fica bem melhor se não estiver gelada na hora de ir pra panela.
Em uma panela de fundo grosso eu derreti a banha em fogo bem baixinho e acrescentei o pernil. Eu prefiro a banha caseira, mas, na falta, uso a da Sadia que quebra bem o galho.
Cozinhei o pernil, sempre no fogo mínimo, por 4 horas, virando a cada meia hora.
Após as 4 horas eu aumentei o fogo e deixei o pernil ficar bem dourado.
Como o pernil pesava mais de 4 k depois de recheado, nós não comemos tudo. Eu guardei o que não foi servido na própria banha, dentro da geladeira, e vou servir daqui uns dias, quando ele vai estar ainda melhor.
Aí foi só fatiar e servir junto com um limão china maravilhoso, mandioca no açafrão, arroz branco e salada de folhas.

Fonte: Cozinhando para relaxar

Nenhum comentário: